Outro

Torne-se inquilino

Torne-se inquilino

Para encontrar acomodações para aluguel, certifique-se de colocar as probabilidades do seu lado. Thomas Dangin trabalha para a ABC Immobilier na região de Paris. Ele nos dá as precauções habituais. Entrevista por Nadège Monschau Como conduzir efetivamente sua pesquisa? Primeira dica: assine todos os alertas na Internet para ser informado das novidades. Ligue regularmente para as agências: pelo menos a cada três ou quatro dias para garantir um bom acompanhamento. No entanto, você deve estar preparado para fazer concessões. O mercado de aluguel é tão saturado que hoje ninguém encontra acomodações que atendam a todos os seus critérios. Como você pode ter certeza de que foi escolhido pelo proprietário quando há muita concorrência? Impossível, com certeza! Por outro lado, é possível colocar todas as chances do lado depositando um arquivo irrepreensível. Em outras palavras, não deve faltar peças. Porque nenhum proprietário perderá seu tempo pedindo as informações que faltam. Nesse arquivo, portanto, devem aparecer fotocópias dos bilhetes de identidade, os três últimos comprovantes de pagamento e a avaliação tributária do ano, o contrato de trabalho e o certificado de empregador, bem como todos os últimas faturas do FED e do imposto sobre a habitação pagas. Todo senhorio quer garantias. Um futuro inquilino pode tranquilizá-lo e, portanto, colocar-se em uma boa posição, adicionando um "Pass-GRL" ou um "Loca-Pass" ao seu arquivo. O primeiro dispositivo protege o proprietário contra aluguel não pago. O segundo avança para o inquilino na forma de um empréstimo o depósito de segurança exigido na assinatura do contrato. Observe também que, em geral, é melhor não tentar negociar o aluguel de um imóvel, correndo o risco de perder o negócio. O que absolutamente deve verificar antes de cometer? Você tem que testar tudo: as tomadas, as persianas, as torneiras, o aquecimento. Depois de assinado o inventário, o inquilino tem quinze dias para garantir que tudo esteja funcionando corretamente em seu alojamento. Ao ler o contrato de locação, é preciso também tomar cuidado para garantir que o índice atual de aluguel corresponda ao indicado no papel. Quais reparos ou trabalhos podem ser pagos pelo proprietário? O trabalho de reforma de uma habitação não é de responsabilidade do arrendador, a menos que as duas partes concordem em assinar ou durante o arrendamento. Por exemplo, um inquilino pode dizer que deseja desocupar dentro de dois anos, mas até então quer se atualizar. O proprietário pode então pagar por essa reforma, se ele acreditar que isso lhe permitirá alugar sua propriedade mais facilmente no futuro. Nesse caso, o aluguel pode ser cobrado contra o valor da renovação assim que as faturas forem produzidas. Outra regra de ouro: o inquilino pode desfrutar livremente da propriedade, com a condição expressa de devolver tudo em um estado "correto e neutro". Em outras palavras, ele pode fazer buracos na parede se os conectar antes de sair. Mas se ele repintar todo o interior em rosa fúcsia, ele corre o risco de perder seu depósito de segurança! Porque, nesse caso, o proprietário terá o direito de usar esse valor para colocar uma camada de branco em qualquer lugar. Outro princípio em vigor: o inquilino deve pagar a fatura em caso de quebra, enquanto o proprietário deve compensar o desgaste normal das instalações. Imagine que uma persiana esteja com defeito: o inquilino deve pagar a conta se for problemática a manivela de aço que ele usa todos os dias. No entanto, é o proprietário a substituir um obturador bloqueado devido à sua idade. Às vezes, também é possível contratar seu seguro, que pode ser contrário ao do proprietário ou mesmo ao do administrador da co-propriedade. Para conhecer e afirmar seus direitos, não hesite em procurar aconselhamento de sua seguradora ou questionar sindicatos imobiliários, como SNPI e Fnaim. > Mais informações em www.abc-immobilier.com


Vídeo: BEHOLDER #1 - JOGO FANTÁSTICO GERENCIANDO OS INQUILINOS SOB UM GOVERNO OPRESSOR! PT-BR (Dezembro 2020).